quinta-feira, 13 de junho de 2013

Carro Usado é negócio? sim ou não.

Carro usado ainda é negocio?

A velha e boa pergunta que todo cidadão interessado em ter seu primeiro automóvel ou já aquele mais experiente que deseja trocar, tem em sua mente.
Esse é um debate que podemos defender elogiar, criticar e ate mesmo listar vantagens e desvantagens em um cenário que muitas vezes parte mais do coração e do sonho do automóvel “novo”.
Ao comprar um automóvel zero quilômetro, logo que o tiramos da concessionaria, já estamos cientes de sua desvalorização árdua no primeiro ano, confiamos na mecânica nova, amparado pela garantia que cada vez mais concessionarias e montadoras empregam em seus automóveis, e claro aquele cheirinho de carro novo é uma sensação muito prazerosa.  Porem cada acessório incluso ou cada versão é um aumento inúmeras vezes desanimadoras e para aquele que pensa em gastar “X”, sempre acaba levando um “Y”, seja ali um insulfilm ou uma roda ou uma calha e podemos somar que isso em revenda é indiferente, ate se pede o modelo mais próximo do original possível.
Em um usado temos um caminho oposto, a economia no custo do automóvel às vezes é revertida na manutenção, seja no mecânico ali da esquina aquele amigo de confiança ou em uma autorizada, o importante é não ignorar e pelo menos leva-lo para que seja feito um check o quanto antes.
A vantagem que temos são as versões agora, poucas os casos que são mantidos os preços daquela roda ou aquele trio-elétrico que foi comprado em um novo, o foco daquele que revende um seminovo ou usado é que esteja funcional o motor e que consiga impressionar o comprador que esta cheio de vontade de ter ser veiculo.  Outro ponto também que pode ser um diferencial na decisão Novo x Seminovo é sem dúvidas o valor de um carro recém-lançado hoje é muitas vezes maior ao valor de um automóvel superior.
O interessante é que se leve em consideração as expectativas daquele que vai comprar ou trocar com as necessidades básicas e além de manter o pé no chão, para não evitar frustração ou um orçamento alto no final da historia, é sempre bom e importante criarmos um hábito de anotar os gastos e despesas que estão sendo gerados seja, desde combustível ate manutenção, caso não se recorde do preço que foi gasto para anotar em casa, não se preocupe hoje existem diversos aplicativos para celular, smartphones e tablets gratuitos que auxiliam e muito nesse controle.


Postar um comentário